sexta-feira, 24 de outubro de 2014

Novo Vídeo >> Tokio Hotel - Entrevista para a Melty.fr - França [09/10/2014]



Créditos: TOBR

Instagrams

Tokio Hotel (23/10/2014)

Confira nossa página no Facebook amanhã às 17pm cet para comprar um dos nossos 200 pôsteres autografados...

Bill Kaulitz (23-24/10/2014)

Sempre bom ter uma companhia na cabine de gravação vocal. #Gravando #Pumba
kçdkfçhfds


dia de fotos #dtla #noset
instagram



 Interview Magazine Germany (22/10/2014)
Viajando com estilo a #NovaIorque #BillKaulitz curtiu isso, também! #insideinterview #participedajornada
instagram

Tradução1: TOBR // Tradução2: Jam e Mih
Créditos1: TOBR // Créditos2: THBR

quinta-feira, 23 de outubro de 2014

Tradução >> Interview Magazin - Alfabeto do Tokio Hotel!

fhdi
Através da monção e de volta novamente. Cinco anos depois de seu último álbum, uma escapada para a América e um processo inevitável de amadurecimento, Tokio Hotel apresentou uma banda inteiramente renovada – mais internacional, mais eletrônica e com estilos de cabelo diferentes. Mas apesar disso, Bill & Tom Kaulitz apenas veem a como a continuidade da história de sua banda. Como eles surgiram aos palcos com um B de Black Questionmark, e de repente atingiram o sucesso mundial com um Q de quarteto, encontrando em L.A. o L de liberdade novamente, fazendo um espetáculo em J de Jerusalém nesse meio tempo, sobre o qual o P de Pumba não sabe de nada, porque seu bulldog inglês nem ao menos era nascido ainda. Sejam bem vindos ao grande alfabeto do Tokio Hotel!

A

Tom: Autobahn! (autoestrada alemã)
Bill: Oh sim, nós não dirigimos na autobahn há muito tempo!
Tom: A autobahn é uma das minhas coisas favoritas na Alemanha. É a coisa que eu mais sinto falta quando eu estou em L.A.: dirigir rápido, sem limite de velocidade, uma completa anarquia.
Entrevistador: Menos horário de trânsito?
Bill: O tráfego em LA é um horror. Eu não dirgijo carro em LA, eu geralmente não dirijo carro na verdade.
Entrevistador: Tom, você tem uma boneca ao seu lado no banco do carona, então você está permitido dirigir na velocidade máxima ou somente quando você está sozinho?
Tom: Não, eu sempre tenho Bill ao meu lado de qualquer forma.

B

Entrevistador: Eu tenho duas palavras chaves para B.
Tom: Bill?
Entrevistador: Exatamente.
Tom: Bill, o irmão feio (Bill ri), o menos bonito…
Bill: O gêmeo desavantajado.
Tom: Sim, exatamente!
Bill: Você preciso explicar isso agora, Tom!
Tom: Bem, considerando o visual é óbvio, eu não tenho muito o que explicar sobre isso. Ele é o mais novo, o mais ingênuo de nós. E também o que carrega toda a responsabilidade, também o cérebro por trás de tudo…
Bill: Esse sou eu.
Tom: Não, você é o gêmeo menos bonito.
Bill: Qual é a segunda palavra chave?
Entrevistador: Black Questionmark.
Bill: Ah, o primeiro nome de nossa banda. Eu nem mesmo sei mais quantos anos nós tínhamos naquela época, mas achávamos o nome realmente legal.
Tom: O nome não foi inspirado numa música da Nena?
Bill: Não, a música dela se chama só Fragenzeichen (Questionmark). Mas isso não era sombrio o suficiente para nós, então nós pensamos em “ponto de interrogação negro” e traduzimos para o inglês.
Tom: Nós achávamos que soava mais internacional e marcadamente misterioso.
Entrevistador: Como podemos imaginar o Black Questionmark?
Bill: Era somente Tom e eu. Nós começamos apenas escrevendo as primeiras músicas, de uma forma que nos fazia diferentes das outras bandas. Eles primeiro ensaiavam suas músicas, até conseguirem tocar elas. Mas quando nós escrevíamos uma música, nós imediatamente queríamos tocar ela em um palco.
Tom: E o problema era: nós não tínhamos habilidade. Eu sabia tocar quatro acordes na guitarra.
Bill: E eu tinha um teclado onde que sabia apertar alguns botões, então ele tocava baixo e bateria por conta própria. Os famosos circuitos pré-produzidos.
Tom: Mas nós já tocávamos no “Gröninger Bad” assim, onde nós fomos descobertos por um produtor musical mais tarde.
Entrevistador: O quão grande era a audiência naquela época?
Bill: Talvez 15, 20, 30 pessoas.

C

Bill: Eu não consigo pensar em nada com C.
Entrevistador: Comeback? (retorno)
Tom: Oh, isso é ótimo!
Bill: Para nós retorno é uma palavra difícil, porque vemos isso de forma diferente. O último álbum foi de fato há cinco anos atrás, mas depois disso nós saímos em turnê por um longo período. Na América do Sul, por exemplo, e em 2011 fomos ao Japão e à Rússia. Depois nós fizemos uma pausa por um ano e só então começamos a trabalhar no novo álbum. Então para nós isso não é um retorno.

D

Tom: D? D de Dora. Bill, você quer falar algo sobre sua ex-namorada?
Bill: (risos)
TomDrums (bateria) veio em minha mente. Eu sempre quis ser um baterista.
Bill: Para ser honesto, Tom seria ainda melhor como baterista (risos). Eu gostaria de dizer que ele não é tão bom como guitarrista como ele seria como baterista. Porque ele sempre está batendo em tudo.
Entrevistador: Isso significa que você será inacreditavelmente bom como baterista ou que você não é um bom guitarrista?
Tom: Eu acho que eu seria inacreditavelmente bom.
Bill: A coisa com o Tom é que ele toca guitarra no palco, mas no estúdio ele faz todos os tipos de coisas. Ele também produziu o álbum inteiro.
Tom: A verdade é que eu não consigo tocar nenhum instrumento realmente bem. Mas eu consigo fazer um pouco de tudo e eu sou criativo o suficiente para fazer isso soar bem.
Entrevistador: Eu também tenho Devilish anotado.
Tom: Devilish resultou da Black Questionmark.
Bill: Essa foi nossa primeira formação real como banda com Georg e Gustav, antes de formarmos o Tokio Hotel.
Tom: Você pode ouvir duas músicas desse tempo na versão Super-Deluxe de nosso novo álbum.
Entrevistador: Elas são pelo menos boas?
Bill: Não!
Tom: Espere um minuto! Eu ouvi elas e acho que elas são incríveis. Quão jovens nós éramos, quando nós gravamos elas? Tínhamos 12 anos ou algo assim. Então bom, para essa idade eu estou totalmente chocado comigo mesmo.
Entrevistador: DSDS?
Bill: Essa foi uma viagem que nós não faremos de novo.
Entrevistador: Deutsch? (alemão)
Tom: Nós ainda falamos em alemão, mesmo na América. De qualquer forma, eu acho inacreditavelmente vergonhoso quando alemães usam palavras em inglês…
Bill: Mas isso acontece sempre acontece comigo também.
Tom: Sim, comigo também. Mas eu acho inacreditavelmente vergonhoso.

Instagrams

Georg Listing
#luzesdarua
instagram

Verifique no FACEBOOK.COM/TOKIOHOTEL amanhã às 17:00 cet para comprar os nossos pôsteres autografados limitados!!! #Produto #LojaDoTokioHotel #Aliens
  

Bill Kaulitz
Quintas-feiras - agarrado no estúdio #diadeestudio
 

Tradução1: Mih // Tradução2:TOBR
Créditos: TH BR // Créditos2: TOBR

Vídeos Novos

Los 40 Principales


#ElGranFan Especial do Tokio Hotel (Colombia)

Créditos: TH RJ

quarta-feira, 22 de outubro de 2014

Instagram Bill Kaulitz (22/10/2014)

#demanhãcedo
instagram

Tradução: Mih
Créditos: TH BR

Sessões de fotos do Tokio Hotel

Sessão de fotos para a revista Interview (Alemanha)







 Sessão de fotos para o “Kings of Suburbia”
12345678910111213141517


Créditos: CTH // Créditos2: TH BR

Novo vídeo >> O que os poloneses pensam sobre as músicas do “Kings of Suburbia”? (20/10/2014)

dwsrwsfrw
Foi divulgado 01 novo vídeo, pelo fã clube polônes oficial do Tokio Hotel, onde os poloneses falam sobre o que acharam das músicas do “Kings of Suburbia” no dia 20 de outubro do ano de 2014.
Texto escrito por Mih
Créditos: TH BR

Atualizações Tokio Hotel

10383005_10152532620468650_7277304219370746647_n
Facebook:”Revista “Interview” com o Bill na capa está esgotada! Esperamos que algumas pessoas tenham sorte e que a INTERVIEW.de e Interview Magazine publique mais exemplares…”
Twitter:”Revista “Interview” com o Bill na capa está esgotada! Esperamos que algumas pessoas tenham sorte e que a @INTERVIEW_de e @InterviewMag publique mais exemplares…”

Tokio Hotel dá RT em tweet da Polydor
twitter
@Polydor: Confira o acústico de “Love who Loves You Back” do Tokio Hotel, que ocorreu em sua visita à Paris: po.st/ryyE5s #TokioHotelKOS
Texto traduzido por Mih
Créditos: TH BR

Encontro de fãs em Minas Gerais e São Paulo (23/11/2014)

Minas Gerais: 23/11/2014 às 14:00 na Praça da Liberdade, Belo Horizonte – Evento no Facebook
São Paulo: 23/11/2014 às 13:00 no Bob’s , Avenida Paulista 1904 Bela Vista
tokio hotel aliens encontro (2) tokio hotel aliens encontro

Créditos: CTH